Super Lua

Super Lua

superlua


Nesse dia 14 de novembro (segunda-feira), a lua passará pelo sua fase cheia e pelo fenômeno em que se encontra mais perto da Terra, o que a tornará uma "Superlua". Essa ocasião fará com que a terra se encontre em menor distância da Lua desde o ano 1948, um encontro entre os astros que acontecerá apenas no ano de 2034. 

Nosso satélite natural chega ao perigeu todos os meses, o ponto mais próximo de sua trajetória elíptica em torno da Terra, e a cada 13 ciclos esse momento acontece quando a Lua está cheia, ou seja, há superluas praticamente todo ano, mas essa aproximação em especial, o satélite irá passar pela sua fase cheia, apenas duas horas depois de atingir a aproximação máxima da Terra.

Mas, não crie muitas expectativas em relação a esse evento, não espere que um gigantesco globo branco tome conta do céu, porque o ápice do evento acontecerá de dia no Brasil, e somente à noite será possível vê-la, porém não no seu auge. E, esse "super" significa apenas que o satélite parecerá 14% maior do que quando está no seu ponto mais longe da Terra. O que não é muito, na avaliação de especialistas, para algo que está a 356 mil quilômetros de distância.

A Lua pode parecer até 14% MAIOR30% MAIS LUMINOSA do que a Lua cheia comum

Segundo a agência espacial norte-americana (Nasa), as nuvens e iluminação urbana podem disfarçar a alteração de lumiosidade da Lua, então superlua pode assemelhar-se uma lua cheia comum. no início da noite de segunda deve ser o horário mais aconselhável para avistar melhor o fenômeno, mas será possível observa-la domingo a noite. É melhor torcer para ter clima bom em sua cidade, para que o astro da noite não fique escondido. 

Será possível acompanhar evento magnífico, já na noite de domingo.


Fonte: Zero Hora, zh.clicrbs.com.br